30 dias de escrita: 2# Apesar de você amanhã vai ser outro dia.

in writing •  last year 

Segundo dia de escrita não é exatamente o segundo dia fui afastada daqui por forças maiores.
Eu estava usando o computador de outra pessoa e ela levou o computador embora sem aviso prévio, e foi uma tristeza para recuperar a senha que estava salva lá então esse texto vai ser mais um desabafo mas pelo menos voltamos a programação normal.
atmosphere-blue-cloud-601798.jpg
Hoje acordei triste, com os olhos inchados, e com o desejo de que a justiça celestial exista mesmo. As vezes a gente se engana com as pessoas elas vem e se dizem tão dispostas a nos fazer bem que a gente acredita. Talvez naquela época eu precisasse acreditar que nessa cidade grande tinha alguém que caminhava junto a mim, mas hoje minha certeza é do oposto eu estou caminhando sozinha e o mal espreita meu caminho.
Sonhei que tinha sido sequestrada, mas eu não fugia, ficava no chão deitada sem forças nas pernas enquanto encarava a porta da varanda aberta e tinha uma praia eu podia ver o branco macio da areia, ouvia as ondas quebrando, pescadores conversando no meio do escuro, eu podia sentir a brisa fresca da noite, o brilho da lua cheia tão perto, tão fácil era só questão de levantar e fugir mas eu seguia ali deitada namorando a varanda e olhando para a porta que dava para o corredor certa de que ele estava me vendo eu ficava ali como se estivesse esperando o melhor momento, o momento certo para levantar e correr para o mar.
Esse sonho explica muito como estou me sentindo, como estou presa em mim mesma, tomando cuidado, planejando com medo a minha fuga para a praia o mais triste e que eu venha me sentir assim em um momento desses, em uma situação em que eu deveria sentir a liberdade mas minha alma segue em frente na certeza que dias melhores virão e eu poderei em fim correr para a liberdade.
O mais triste é perceber que eu não tenho o apoio dessa pessoa que esta pessoa se puder fazer algo para para me impedir, para me serrar, para me dificultar, ela vai fazer e isso é um sentimento que eu não desejo para ninguém, perceber que alguém não quer que você de certo seja la por qual motivo é horrivel.
Mas eu sigo aqui certa de que vou vencer e de que em breve vou poder levantar, correr para o mar e nadar para tão longe aonde essa maldade não me alcance nunca pensei que eu iria abandonar essa pessoa na sua própria escuridão e dentro de mim eu carrego a certeza de que dias melhores virão.
Beijos
Mariana Pitteri

Authors get paid when people like you upvote their post.
If you enjoyed what you read here, create your account today and start earning FREE STEEM!