You are viewing a single comment's thread from:

RE: [Opinião & Dúvida]: A Tag #PT é Bilíngue? Lutamos por Uma Tag para Escrever Textos Bilíngues?

in #pt5 years ago

Olá @manandezo já respondi ao @jsantana mas vou responder aqui também, eu sou um daqueles que usa a tag pt mas escreve principalmente em inglês, porquê? Porque o inglês é a língua "universal" e como basicamente pretendo ir divulgado portugal e a sua cultura chego a mais gente, tão simples quanto isto. Como disse ao @jsantana um post de alguém que divulgue a Amazónia ao mundo, em inglês por exemplo, é tão ou mais lusófono que um post com um gatinho e um título "o meu bichano". Percebendo a "luta" pela língua portuguesa, sendo eu português e sentido e pensando em português, essa "luta" está-me no sangue mas não concordo com uma única tag, sendo assim implemente-se outra.. pt-en por exemplo. Obrigado e Abraço

Sort:  

Olá, @psos,

Talvez tenha visto que não sou contra qualquer publicação em inglês, mas ao fato de usar uma etiqueta inadequadamente (perceba bem, disse "inadequadamente"). Talvez também não tenha observado, eu mesmo constatei, e sempre assim o fiz, que devemos, sim, divulgar nossa cultura para todos, de forma correta e coerente com o que se propõe. Se for para divulgar a Amazônia, ou um simples bichano que, para mim, têm o mesmo valor (e cada um publica o que gosta e sente vontade; vota, comenta e segue quem deseja), e ser tão lusófono como qualquer outra publicação, façamos de forma adequada, divulguemos essa cultura em qualquer língua desejada, com as etiquetas adequadas para isso. Se for em inglês, que utilizemos as etiquetas condizentes; se elas não existem, a questão é mais simples ainda: criá-las.

Da mesma forma que há poluição no mundo em que vivemos, e não conseguimos enxergar direito o que nos é mais importante, há uma poluição nas etiquetas com tanta publicação inadequada. Eu mesmo, quando clico na etiqueta #pt, vejo uma enxurrada de textos em inglês ou bilíngues; não me interesso, e me causa um desânimo extremo em saber que ali até poderia conter algo interessante, mas na etiqueta inadequada. Não clico, não abro, não leio, ignoro. Chamem-me radical, mas todos nós temos opinião, e a minha é essa em resposta.

Com relação a escrever em inglês, ou u texto bilíngue, sob a etiqueta #pt, e considerando o inglês uma "língua universal", bom, sinto uma certa estranheza, pois há também aqueles aqui na plataforma que não sabem ler em inglês, clicam na etiqueta para encontrar textos que consigam ler e aprender com eles, e o que encontram? Inglês? Hum, isso não é "universal" para mim. E não me diga que eles devem usar o Google tradutor para ler uma publicação de alguém que sabe o português, mas publica em inglês. Quem deveria usar o Google Tradutor são outros, não os que tentam, e eu já vi alguns deixando a plataforma por isso, por não entender o que é publicado em uma etiqueta que foi pensada para eles também, mas as edições estão em uma língua que eles não dominam. É justo? Enfim, é algo a se pensar sobre o que é realmente "universal". Para mim, "universal" é sinônimo de "igualdade para todos", e se há quem não entenda a etiqueta #pt para todos os falantes de português (sabedores ou não de inglês ou qualquer outro idioma como o nosso), por favor, a sintam-se livres para implementar qualquer outra etiqueta que expresse esse valor de "universalidade".

Sim, a minha luta é pela equidade, não pela desagregação e esfacelamento.

Agradeço muito pelo comentário. Abraços, paz e bem!

Caro @manandezo não sou tão dramático :) quando vejo algo com tag pt em inglês ou português, se é do meu interesse, leio, sei que vem de alguém da comunidade de língua portuguesa. Mas admito que uma tag pt-en poderia ser uma solução para um ponto de vista como o seu, que respeito embora não concorde. Para mim equidade é oportunidades iguais para todos, ora, post bi-lingue por exemplo têm essa equidade. Abraço

Delicio-me com a alcunha de "dramático", rio-me às lágrimas, mas me intitulando, de forma saramaguiana, um "visionário" solitário, creio ser mais o que prego, o que sou, e o que minha alma deseja (e uma pena que Saramago não esteja mais entre nós para nos dar o prazer de sua literatura tão profunda, inquietante e tão atemporal; amo-o sem sombra de dúvida, e muito chorei quando soube de sua passagem).

A discordância traz aprendizado e o sentido de ouvir/ler, digerir e saber falar de volta, quando há uma necessidade de volta, claro. Deste ponto, nascem concordâncias veladas, respeitos mútuos, e um caminhar mais leve. Tantas portas abrem-se!

Realmente, não concordamos no quesito de "inglês" nas publicações e eu, mais ainda, com a "universalização-separatista", mas uma coisa é certa: sabemos que há uma inadequação das etiquetas. Assim, caso @psos, sinta-se livre para criar quantas quiser, da forma que desejar. No fundo, não me importo com o número delas. O mundo é isso, compreender que houve um movimento antes de você chegar para implementar algo tão precioso para todos e, se o caminho está mudando, mudemos, criemos, mas sem a destruição do que houve antes.

Receba outro abraço meu!

Muito bem :) concordamos em discordar, parece-me bem ;) até no Saramago ehehe reconhendo a sua importância sou do team (desculpe o inglesismo, um pouco de ironia que espero me vai perdoar) Lobo Antunes. Abraço

Mas, atenção, não sou dono da verdade nem muito menos da tag pt ;) façam o que bem entenderem com ele, por mim seleciono o que quero ler independente de tags

Coin Marketplace

STEEM 0.23
TRX 0.06
JST 0.025
BTC 20164.77
ETH 1353.22
USDT 1.00
SBD 2.48