A verdadeira mais-valia é a do Estado

in #politica7 months ago (edited)

Qual a definição de escravidão? É trabalho forçado. Você trabalha não porque chegou a um acordo com o patrão e decidiu que seria vantajoso pra você trabalhar pra ele, mas porque simplesmente ele te obrigou à força a isso.

Pois bem, quando se lembra de escravidão normalmente se pensa na relação patrão/empregado, e se esquece de uma terceira figura aí envolvida e que quase nunca ela é desprezível. Muito pelo contrário, ela é essencial como veremos a seguir.

No Brasil é famoso o ditado que diz "pra cada real de salário pago ao empregado, o empregador tem que desembolsar o dobro". E isso é uma verdade. Devido às nossas obrigações trabalhistas (não são direitos trabalhistas porque não são opcionais, logo são na verdade obrigações) o custo de cada empregado para uma empresa é duas vezes maior que aquilo que ela paga de salário bruto.

Só isso já dá pra perceber como o Estado é essencial nas relações trabalhistas. Como não existe milagre, se o empregador acha que uma certa mão de obra só é lucrativa pra ele gastando por ela no máximo R$ 10.000,00, ele vai pagar no máximo R$ 5.000,00 de salário para o funcionário pois saberá que o resto será despesas com encargos trabalhistas.

Se fosse só isso já seria um absurdo se você parar pra pensar que a mão de obra do trabalhador vale x e ele só está recebendo x/2. Mas por incrível que pareça não é só isso. Existem impostos que precisam ser pagos não pelo empregador, mas pelo trabalhador, e que incidem diretamente na folha de pagamento dele. O principal deles é o famoso imposto de renda. Então o salário do empregado que é R$ 5.000,00 bruto, quando ele for sacar no banco o líquido só vai ficar com cerca de R$ 3.000,00.

Aí você deve estar pensando: meu que absurdo, a mão de obra do funcionário vale R$ 10.000,00 e ele só fica com R$ 3.000,00. Mas não é só isso não, ainda tem mais absurdo por aí.

Todo mundo sabe que no Brasil pagamos muitos impostos. Mas o pior é que a maioria deles incidem sobre o consumo. Essa é a forma mais injusta de tributar, pois afeta principalmente quem não tem dinheiro pra poupar e gasta todo o salário consumindo, ou seja, exatamente os mais pobres. O imposto sobre o consumo no Brasil gira em torno dos 50% ou até mais dependendo do produto, pois agem em cascata.

Então vamos voltar ao nosso exemplo. O empregador acha que o trabalho do funcionário vale R$ 10.000,00, mas só paga diretamente a ele R$ 5.000,00 por conta dos encargos trabalhistas. O empregado então quando vai sacar o líquido só encontra lá na sua conta R$ 3.000,00. Ele pega esses R$ 3.000,00 e vai fazer a feira do mês, onde os produtos estão 50% mais caros do que o que deveria ser por conta dos impostos. Ou seja, esses R$ 3.000,00 dele só tem poder de compra de R$ 1.500,00. No final das contas, por conta do “sócio” Estado nas relações trabalhistas, um trabalho que vale R$ 10.000,00 só se traduz em poder de compra para o trabalhador no equivalente a R$ 1.500,00. Isso dá uma mais-valia de estonteantes 85%.

Então meu amigo, quando for pensar e argumentar sobre mais-valia, não se esqueça do próprio Estado, e que somos todos verdadeiros escravos dele. A verdadeira mais valia é a dos impostos.

Sort:  

Congratulations @discernente! You have completed the following achievement on the Steem blockchain and have been rewarded with new badge(s) :

You received more than 40000 as payout for your posts. Your next target is to reach a total payout of 50000

You can view your badges on your Steem Board and compare to others on the Steem Ranking
If you no longer want to receive notifications, reply to this comment with the word STOP

To support your work, I also upvoted your post!

Vote for @Steemitboard as a witness to get one more award and increased upvotes!

Sobre a questão de impostos no Brasil é de uma falta de ética sem igual. Todos reconhecem que é caro, pesado. No entanto, os políticos que temos deixam claro que não tem interesse de alterar, pelo menos em um curto prazo, absolutamente nada.

É absurdo e a justificativa deles pra manter tantos impostos no lombo do brasileiro é sempre a mesma: usar essa montanha de dinheiro pra dar saúde e educação "de graça" para todos e combater a "desigualdade social". Ora, quer combater mesmo a pobreza e a desigualdade social? Então deixe o dinheiro no bolso de quem trabalha, produz e gera empregos.

Olhando do lado do empregado, pelo regime atual, o cálculo seria:
Seu Salário Líquido Mensal: R$ 4.084,88
Referência Proventos Descontos
Salário Bruto - R$ 5.000,00 -
INSS 11,00 % - R$ 550,00
IRRF 22,50 % - R$ 365,12
Outros Desc. - - R$ 0,00
Total - $ 5.000,00 R$ 915,12
Salário Líquido: R$ 4.084,88

Lembrando que eles são colocados lá pela própria população que deve, do meu ponto de vista, estar mais atenta a essa questão. Visto o prazo que está transcorrendo a reforma previdenciária. Acredito pessoalmente que será aprovada no final do mês de setembro/2019. Deixando claro que quem manda no país não é o presidente da republica, mas Câmara e o Senado. Uma estrutura política ridícula e feita para travar o processo em manter quem tem poder no poder. É ridículo!

Interessante o texto. O problema do imposto no Brasil é só um, originalmente é algo que depois de pago deveria ser utilizado para gerir saúde, educação, segurança pública, entre outras coisas, não é utilizado assim e nunca foi, digo no Brasil. Aqui imposto é pago unica e exclusivamente para manter em pé a "monarquia tripartite", pois se analisarmos filosófica e semanticamente, na República brasileira nunca existiu um Estado, mas sim, uma "monarquia tripartite".
Acho que vou aproveitar e escrever um texto acerca dessa monarquia em que vivemos.

Só acrescentaria que não é só aqui que o Estado devolve ao cidadão menos do que arrecada. Isso é em qualquer lugar do mundo, pois o Estado sempre terá que manter sua própria estrutura e burocracia. Apenas aqui no Brasil essa ineficiência é algo mais latente e escandaloso.

You got a 50.00% upvote from @redlambo courtesy of @discernente! Make sure to use tag #redlambo to be considered for the curation post!

You got a 9.54% upvote from @luckyvotes courtesy of @discernente!

You got a 8.62% upvote from @joeparys! Thank you for your support of our services. To continue your support, please follow and delegate Steem power to @joeparys for daily steem and steem dollar payouts!

You got a 11.22% upvote from @brupvoter courtesy of @discernente!

This post has received a 33.33% upvote from @lovejuice thanks to @discernente. They love you, so does Aggroed. Please be sure to vote for Witnesses at https://steemit.com/~witnesses.

This post has received a $100.00 % upvote from @siditech thanks to: @discernente.
Here's a banana! banana-small.png

You just received a 22.22% upvote from @honestbot, courtesy of @discernente!
WaveSmall.gif