Economia 101 - 002 - Propriedade Privada

in #pt2 years ago

Economia 101 (1).png


Quando falamos de economia, precisamos entender duas coisas muito importante que já ouvimos falar e as vezes não reparamos muito. A primeira é que os recursos são escassos, ou seja, assim como aprendemos nas nossas aulas de ecologia, os recursos desde a água até o minério de ferro são escassos e um dia, acabam (vamos abordar mais sobre esse assunto em outra postagem). A segunda coisa é que tudo é de alguém, e é sobre isso que iremos falar, ou mais conhecido também como propriedade privada.

A propriedade privada é fundamental para o capitalismo e consequentemente para a economia. O nosso amigo Karl Marx percebeu que a riqueza das nações dá-se pela alta coleção de mercadorias que são todas privadas e que podem ser comercializadas para darem lucro, assim como as industrias, fábricas e empresas que as construíram também são privadas. Sem propriedade privada, não há como auferir ganhos, pois não tem como você vender algo que não é seu.

Mas antes de continuarmos, vamos falar sobre os três tipos de propriedades.

A propriedade pode ser totalmente coletiva, e as pessoas podem utilizá-la por quem desejar, com base na confiança mútua e nos costumes. Um exemplo dessas propriedades é o modelo dos índios.

A propriedade pode ser mantida e utilizada de maneira coletiva, que nada mais é que a essência do comunismo.

A propriedade pode ser particular, e cada um faz com a sua propriedade o que bem entender, o conceito do capitalismo.

A propriedade NECESSITA ser privada pois, de acordo com Aristóteles, quando a propriedade é coletiva, ninguém assume a responsabilidade de mantê-la e melhorá-la, além do fato das pessoas só conseguirem ser generosas se e somente se, elas terem algo par dar. Vamos falar mais sobre isso na série Ancap 101 com relação a tragédia dos comuns.

O direito a propriedade veio através do pensador John Locke, que utilizou inclusive Deus em seus argumentos, dizendo que se Deus nos deu o domínio sobre o corpo, então ele também deu domínio sobre as coisas que fazemos. Já Immanuel Kant diz que a propriedade privada é uma expressão legítima do indivíduo. Em contra partida, temos Karl Marx sendo totalmente contra disse que a propriedade privada é um jeito de expropriar o trabalho do proletário, deixando-o na escravidão eterna. Ele tenta utilizar o conceito de castas, dizendo que o proletário é um grupo apartado dos que controlam toda a riqueza e poder.

Na próxima postagem vamos falar sobre preço justo.



Roberto Ueti

Sort:  

A propriedade privada é uma consequência direta do princípio da meritocracia. O seu mérito se reflete nos seus direitos de posse. Sem posse sem mérito, e sem mérito sem posse.

Na verdade, a propriedade privada não entra muito no mérito da meritocracia. É lógico que se você for bom em algo muito provavelmente terá mais propriedade privada, mas a questão é um pouco mais simples, e engloba apenas o conceito de posse e a quem pode ser dado o benefício do uso.

Mas não haveria posse se não houvesse o desejo de posse. Então a posse nada mais é que a satisfação de um desejo meritocrático de alguém. Ela surge como um prêmio pra satisfazer o desejo de alguém que mereceu ter seu desejo satisfeito.

Se analisarmos por esta perspectiva, está correto.

Thank you so much for using our service! You were protected from up to 20% losses!

Help us grow by delegating to us! 100sp, 500SP, 1000SP, ANY SP

You just received 21.49% upvote from @onlyprofitbot courtesy of @discernente!

This post has received a 10.49 % upvote from @boomerang.

Thank you so much for using our service! You were protected from up to 20% losses!

Help us grow by delegating to us! 100sp, 500SP, 1000SP, ANY SP

You just received 26.12% upvote from @onlyprofitbot courtesy of @discernente!

Saudações, robertoueti

Concordo totalmnte com Aristóteles em relação á fala sobre propriedade privada. Viver em uma sociedade onde não existe isso, para mim, geraria problemas imensos. Primeiro, que como falado por você citando Aristóteles, as pessoas mais responsáveis cuidariam dela enquanto uma grande maioria apenas usufruiria do local. Por outro lado, seria uma desordem total, pois, poderia entrar qualquer tipo de pessoa no lugar, desde alguém muito correto até o pior bandido do mundo, fazendo com que crimes e mais crimes de várias ordens acontecessem, desde um simples furto á um grande assassinato....

Para mim é extremamente necessário que existam as propriedades privadas. O problema disso, é que quem nasce em uma família com condição boa, tende á permanecer dessa forma e melhorar de vida ou pelo menos manter seu padrão, caso se empenhe. Quem nasce em um local ruim na questão sócio-econômica, sofre muitos impedimentos para conseguir entrar em vários ambientes, profissionais ou não, inclusive, de ter uma propriedade privada. É algo injusto para quem nasce nessa condição e imagino que isso nunca vá mudar.... É algo muito complicado,pois, no plano ideal de vida, todos teriam propriedades privada e não teriam que se sujeitar á trabalhar para quem a possui, porém, isso jamais acontecerá. Socialistas lutam para que isso se modifique e que a riqueza possa ser distribuída. Como eu fiz psicologia, estudei no ICH(instituto de ciências humanas). Sei como lá sofre influência disso, tanto os professores incutem isso aos alunos e os alunos incutem isso aos outros. Na psicologia não há tanto disso não, mas, nos outros cursos existe bastante. Em minha opinião, isso atrapalha a vida de quem pensa dessa forma, pois, chegarão á um ponto em que sempre ficar brigadno contra o sistema trará doenças relacionadas á stress, além de deixar a pessoa se desenvolver pouco financeiramente falando. Para mim, pensando com a cabeça que tenho hoje, o melhor é sempre tentar se desenvolve ao máximo para ser melhor remunerado e montar a própria vida, sempre respeitando os outros, mas, não entrando nessas questões que envolvem grupos imensos que lutam por algo, pois isso tende á deixar a pessoa sem autonomia....

Obrigado pela postagem e bom dia

@julisavio, o problema da família rica é a pessoa já começar com uma quantidade de propriedade privada muito alta em relação a quem não tem esse dinheiro, mas se tem uma coisa que o capitalismo mostra é que, se você não tiver capacidade de gerir uma fortuna, você acaba sem nada. As pessoas podem subir e descer de nível a qualquer momento.
É lógico que as pessoas perderem grandes fortunas é algo meio complicado, mas não é impossível. Outra coisa que precisa-se levar em consideração é o tempo. A preferência temporal das pessoas normalmente conta muito, afinal, se eu quero algo agora, vou gastar o que tenho e o que não tenho, deixando de poupar e consequentemente ficando mais pobre. Enfim, é uma questão que as pessoas com bases fortes no socialismo não conseguem entender.

Não conseguem mesmo hahaha. Quando eu falava em psicologia financeira e coisa e tal la no ich, eu logo era chamado de capitalista, mas em um tom bem pejorativo. Eles "odeiam" quem pensa em aumentar a renda, acumular capital, etc. Mas, cada um vive do seu jeito né.

Obrigado

Mais um belo texto. Seguindo nessa linha ao final da série você poderia muito bem compilar tudo é publicar como livro. Eu compraria, ótimo conteúdo.


projeto #ptgram power | faça parte | grupo steemit brasil

@deividluchi, talvez eu faça um compilado em um .pdf e deixe disponível pro pessoal que quiser comprar. Boa ideia.

Olá. O projeto ptgram power (que visa dar atenção, comentários e upvotes em massa aos steemers que escrevem em português), está votando em você. Confira a tabela de meritocracia para saber como receber melhores votos.
Para saber tudo sobre a comunidade #pt e o ptgram, acesse nosso site oficial: https://ptgram.tk/meritocracia

Parabéns, seu post foi selecionado pelo projeto Brazilian Power, cuja meta é incentivar a criação de mais conteúdo de qualidade, conectando a comunidade brasileira e melhorando as recompensas no Steemit. Obrigado!

footer-comentarios-2.jpg