Contos de Poder - Lendas Antigas - 1

in #pt2 years ago (edited)

Era uma vez uma moça, filha de um fiandeiro, famoso fabricante de cordas. A bela menina sempre ajudava seu pai no trabalho de fiar e fabricar cordas.

Um dia seu pai lhe diz que teria de sair em viagem a negócios e que ela deveria acompanha-lo. E quem sabe por lá conheceria um jovem com quem pudesse se casar. Foram de barco, parando em várias ilhas.

No inicio a viagem foi tranquila e ela admirava as paisagens oceânicas enquanto sonhava com seu futuro amor. Mas certo dia armou-se uma forte tempestade e o barco naufragou. Seu pai morreu e desacordada a menina foi arrastada pelas ondas até a praia de um estranho país.

Totalmente desamparada, exausta e faminta ela vagou pelas praias até que uma família de tecelões a encontrou. Apesar de serem muito humildes, levaram-na para sua pequena cabana e lhe ensinaram seu ofício. E assim ela iniciou uma segunda vida e durante vários anos voltou a ser feliz, aceitando seu novo destino.

Mas um dia estando passeando na beira do mar, um grupo de piratas, mercadores de escravos, desembarcou e a raptou, aprisionando-a junto com outros cativos.

A pobre moça chorava e rogava para que a libertassem, mas não despertou compaixão nos traficantes e ela foi levada a outro país distante e exótico onde foi vendida como escrava.

Pela segunda vez todos seus sonhos e esperanças foram destruídos. Mas quis a sorte ser comprada por um bom homem que teve pena dela. Era um serralheiro que fabricava mastros para navios.

De inicio a jovem trabalhou como criada da esposa de seu dono, mas depois que o serralheiro perdeu todo o dinheiro que transportava em um assalto, ficando em dificuldades para contratar trabalhadores, a moça passou a ajuda-lo na dura tarefa de serrar e fabricar mastros.

Grata por ter sido tratada com bondade, passou a trabalhar com afinco e tão bem que ele lhe concedeu a liberdade e a fez seu ajudante de maior confiança. Deste modo ela começou a se sentir razoavelmente feliz em sua terceira profissão.

Certa vez ela foi enviada a um reino distante em um navio, levar um carregamento de mastros, o serralheiro queria certificar-se de que seriam vendidos por um preço justo.

Infelizmente mais uma vez aconteceu o pior, na altura da costa de um reino poderoso, a embarcação foi atingida por um tufão e ela foi novamente lançada como náufraga nas praias de um pais desconhecido.

Então ela chorou amargamente pois algo em sua vida parecia estar muito errado, já que todas as vezes que as coisas pareciam ir bem, um evento inesperado destruía todas as suas esperanças de ser feliz. Ela não conseguia entender porque era perseguida por tantas desgraças.

Acontece que naquele magnifico país existia uma profecia de que um dia seria encontrada vagando pelas praias uma mulher estrangeira que seria capaz de confeccionar uma tenda especial para o imperador.

Como até agora não se conhecia uma única pessoa apta a realizar tal tarefa, todos estavam ansiosos para saber se a profecia finalmente se cumpriria.

Deste modo ao chegar a cidade mais próxima ela logo foi levada a presença do monarca em um suntuoso palácio e o rei indagou:

— Senhorita, sabeis fabricar uma tenda?

— Creio que sim majestade.

E pediu que lhe trouxessem cordas, mas não existiam ali.

Então, recordando-se de seus tempos de fiandeira, recolheu linho e confeccionou as cordas.

Depois pediu uma tela forte, mas eles não possuíam o tipo que ela necessitava. Apelando então a sua experiência como tecelã, fabricou uma tela resistente.

Logo viu que precisava de altas estacas como suporte, mas estas também não haviam naquele estranho país. Lembrando-se de sua experiência como serralheira na confecção de mastros, fez com muita habilidade uns esteios fortes.

Quando estes ficaram prontos, ela evocou em sua memória todas as tendas que tinha visto em tantas viagens que tinha feito durante sua vida errante, até que finalmente a tenda real ficou pronta.

Maravilhado com tal proeza e com a belíssima e eficiente tenda, o imperador quis recompensar a a jovem, casando-a com um de seus filhos, um formoso príncipe e nomeando-a como uma de suas ministras.

Foi neste momento que a a compreensão a atingiu como um raio e ela percebeu o verdadeiro sentido de todas as suas experiências, que em muitas ocasiões lhe pareceram injustas, mas que agora formavam um todo coeso. Os acontecimentos isolados eram como uma linha tortuosa que ao final formaram o grande tecido do seu destino.

Posteriormente, após a morte do imperador, ela veio a se tornar a primeira governante mulher daquele antigo país, e durante seu reinado o povo viveu seus melhores dias em termos de abundância, paz e felicidade. Sua sabedoria e capacidade política jamais foram esquecidos.

Sort:  

Congratulations @dosh! You have completed the following achievement on Steemit and have been rewarded with new badge(s) :

Award for the number of upvotes received

Click on the badge to view your Board of Honor.
If you no longer want to receive notifications, reply to this comment with the word STOP

Do you like SteemitBoard's project? Then Vote for its witness and get one more award!

Congratulations! This post has been upvoted from the communal account, @minnowsupport, by NirDosh from the Minnow Support Project. It's a witness project run by aggroed, ausbitbank, teamsteem, someguy123, neoxian, followbtcnews, and netuoso. The goal is to help Steemit grow by supporting Minnows. Please find us at the Peace, Abundance, and Liberty Network (PALnet) Discord Channel. It's a completely public and open space to all members of the Steemit community who voluntarily choose to be there.

If you would like to delegate to the Minnow Support Project you can do so by clicking on the following links: 50SP, 100SP, 250SP, 500SP, 1000SP, 5000SP.
Be sure to leave at least 50SP undelegated on your account.

Congratulations @dosh! You have completed the following achievement on Steemit and have been rewarded with new badge(s) :

You got a First Reply

Click on the badge to view your Board of Honor.
If you no longer want to receive notifications, reply to this comment with the word STOP

Do you like SteemitBoard's project? Then Vote for its witness and get one more award!

Muito obrigada por participar da iniciativa #Trovadores . poesia e prosa!
O seu texto já está na edição de hoje desta curadoria.
Para acessá-la, clique em ou

\Abraços/

@tmarisco
#trovadores . @msp-brasil