Começando a montar uma carteira de Investimentos

in #pt2 years ago (edited)

Primeiro vamos montar a carteira teórica. Por enquanto ainda não é necessário que você possua na prática nenhum destes ativos. Mas caso você já possua investimentos, poderá sim acrescentá-los desde já. Apenas no caso de imóveis, eu recomendaria não incluí-los, pois devido ao valor normalmente ser alto, vai gerar uma distorção desnecessária para o funcionamento deste sistema.

A ideia é que se estabeleça objetivos percentuais para cada classe de ativos, e a primeira divisão principal será entre os ativos de Renda Fixa e de Renda Variável.

Não esqueça também que antes de começar, é imprescindível que você tenha feito o dever de casa, e já esteja organizado financeiramente como explicado nos meus artigos anteriores, principalmente em relação a capacidade de poupar regularmente pelo menos 20% da sua renda, não ter dívidas, e ter formado uma Reserva de Segurança na caderneta de poupança (esta Reserva de Segurança, também pode ficar à parte da carteira pois não se trata de um investimento propriamente dito, apenas uma pequena reserva para gastos extras e eventuais que acontecem no dia a dia). Caso não os tenha lido, volte duas casas e leia todos eles aqui:

Pedro Canella - Todos os Artigos

Antes mais um adendo; devemos também incluir uma porcentagem para Reserva de Valor. Eu pretendo fazer um artigo exclusivo sobre este assunto, mas por enquanto vamos nos ater ao básico e ter em mente que trata-se de um conceito muito simples embora cause certa confusão em muitas pessoas.

Em suma, a Reserva de Valor é uma reserva para te proteger de crises graves, crises sistêmicas, macroeconômicas e também crises no mercado interno de um país como acontece atualmente na Venezuela. Aqui não importa a rentabilidade, e sim a segurança.

Não sei se você já percebeu mas em momentos de crises como estas tanto o ouro, como o dólar, e mais recentemente o Bitcoin, disparam. Isto ocorre por que entre os ativos com mais liquidez, estes são os mais “reais” diferentes de títulos de Renda Fixa por exemplo que normalmente estão atrelados a taxas de juros e índices. Veja o artigo:

O que são Ativos Reais?

Sendo assim para começar a formar uma boa Reserva de Valor podemos citar: nesta ordem: dólar, ouro e BTC. E não é necessário que seja um valor muito alto. Pois estas crises muito agudas são eventos raros, e no Longo Prazo, estes ativos ligados a Reserva de Valor como ouro e dólar não apresentam uma valorização expressiva, a tendência é eles apenas manterem mais ou menos seu poder de compra. Assim se você colocar uma % muito alta estará limitando bastante o potencial de crescimento do seu patrimônio (lembre-se também que o dólar e ouro devem ser físicos, se estiverem no banco ou em algum fundo, pode não ser possível ter acesso a eles em caso de uma crise muito catastrófica, já que poderiam ficar retidos pelo BC). Este conceito de Reserva de Valor pode ser ampliado e aprofundado e o faremos em breve.

Então vamos lá, digamos que você decida ter 60% em Renda Variável, 30% em Renda Fixa e 10% em Reserva de Valor.

Estas definições de objetivos percentuais não são uma recomendação, isto deve ser uma decisão pessoal de cada investidor, levando em conta que se você tem pouca experiência com Renda Variável, a saber: Ações de Empresas, Fundos de Investimentos Imobiliários e Criptomoedas, pode ser importante começar com um percentual menor para estes tipos de ativos para que possa ir se acostumando com as flutuações e a volatilidade inerentes a eles.

Quanto mais conservador e avesso ao risco, maior deverá ser teu percentual em Renda Fixa, lembrando que sempre é preferível buscar um certo equilíbrio e nunca concentrar demais em uma única coisa. Como a Renda Fixa se resume praticamente só a títulos públicos, é também um risco deixar uma quantia alta confiando na capacidade pagadora do governo. Além do mais justamente por oferecer uma rentabilidade mais previsível, a Renda Fixa tem um potencial de valorização consideravelmente menor que a Renda Variável. Em breve também estarei lançando outro artigo sobre este tema, para melhor entendimento.

Então tendo definido os objetivos entre Renda Fixa e Renda Variável, passamos a parte de Renda Variável, que normalmente é a maior, mas que nem por isto deixa de ser bastante pulverizada em uma grande diversidade de ativos. Como já disse em artigos anteriores, não se deve colocar mais de 3% em um único ativo de Renda Variável. É assim, pois caso um destes ativos realmente se deteriore a ponto de você perder tudo (difícil de acontecer mas não impossível) você ainda estará muito tranquilo.

Então por exemplo, dentro da Renda Variável podemos ter: 60% Ações, 30% em Fiis, e 10% em criptomoedas. Eu particularmente prefiro um percentual ainda menor para criptomoedas, devido a serem os ativos mais arriscados, tudo é muito novo ainda no universo das criptos e vários projetos podem não virem a se concretizar nem se tornar realidade.

Veja na imagem a baixo graficamente esta possível divisão de percentuais dentro da parte de Renda Variável em uma carteira teórica (sendo "outros" a parte de criptomoedas):


Então se temos 60% em ações para não comprometer mais de 3% de nosso patrimônio em cada empresa, teríamos que ter 20 empresas na nossa carteira.

Se são 30% em Fiis significa 10 Fiis (coloquei mais em ações pois são os ativos que comprovadamente trazem o maior retorno e valorização no longo prazo, além de fazerem parte de um mercado mais maduro em relação ao de Fiis).

E 10% em Criptos, podemos escolher 5 criptos e cada uma ficaria com 2% do total de nosso portfólio o que é um bem aceitável.

Agora os próximos passos serão como escolher os ativos específicos em si, como gerenciar um sistema de compras com aportes mensais e como acompanhar e analisar os fundamentos de tais ativos para pode reavaliar os objetivos de tempos em tempos, estes serão os temas dos próximos artigos. Espero que estejam gostando e sendo útil. Até logo.


Imagens: Pixabay e Bastter


Leia mais em: Pedro Canella - Todos os Artigos

Sort:  

Congratulations! This post has been upvoted from the communal account, @minnowsupport, by pedrocanella from the Minnow Support Project. It's a witness project run by aggroed, ausbitbank, teamsteem, someguy123, neoxian, followbtcnews, and netuoso. The goal is to help Steemit grow by supporting Minnows. Please find us at the Peace, Abundance, and Liberty Network (PALnet) Discord Channel. It's a completely public and open space to all members of the Steemit community who voluntarily choose to be there.

If you would like to delegate to the Minnow Support Project you can do so by clicking on the following links: 50SP, 100SP, 250SP, 500SP, 1000SP, 5000SP.
Be sure to leave at least 50SP undelegated on your account.

Pedrão, sem querer desmerecer os seus outros tópicos... Mas, tu manda muito bem demais nessa questão de finanças (e no xadrez, haha).

Ótimo post com uma abordagem simples e direta.

Obrigado ! Passei bem uns 5 anos estudando o assunto para eu mesmo poder investir, vem funcionando e o objetivo é ajudar um pouco quem deseja seguir por este caminho de ser sócio de ativos de valor no longo prazo, gerar renda passiva e buscar uma maior tranquilidade e liberdade financeira.

Congratulations @pedrocanella! You have completed the following achievement on Steemit and have been rewarded with new badge(s) :

Award for the number of comments

Click on the badge to view your Board of Honor.
If you no longer want to receive notifications, reply to this comment with the word STOP

Do not miss the last post from @steemitboard:
SteemitBoard and the Veterans on Steemit - The First Community Badge.

Do you like SteemitBoard's project? Then Vote for its witness and get one more award!

Obrigada pelas dicas. Post favoritado para ler novamente no futuro, quando eu tiver condições de investir. : )