[Diário de Bordo]: Dormimos de Dia, Mas à Noite... Somos uns Capetinhas!

in pt •  8 months ago

Vida de Gato - Realidade Nua e Crua


Oi, Pessoal, bom dia!

Muitos de vocês sabem que essas criaturinhas de Deus são uns lindos, não? Gatinhos são tudo de bom para quem sabe apreciar o amor e a verdade que eles nos passam: se querem carinho, vêm até nós, se damos carinhos, aí, a coisa muda de configuração, pois eles podem aceitar ou, simplesmente virar a cara para você. Não me importo, prefiro a verdade do que levar um arranhão desavisadamente.

Pois é, pensando nisso, resolvi contar a vocês o que essas pestin..., digo, anjinhos, fizeram de madrugada hoje.

DSC_1104.JPG

I got this feeling somebody's watching me! Quem conhece essa música de Rockwell sabe que a foto é um perfect match!

Esse aí de cima é o Tito, já se preparando para o ataque. Devia ser umas 20h e ele só me olhando, só me observando. No fundo ele queria pular nas minhas costas, pois a escrivaninha onde trabalho fica exatamente da frente da minha cama e ele só aí, esperando o momento certo para dar o bote. Como eu não nasci ontem, eu nasci em 1971, as coisas mudam um pouco. Percebi uma movimentação estranha e, quando me virei, o danado já na espreita. Não pensei duas vezes, tirei logo a foto e ele ficou lindo... e depois pulou em mim, o safado!

Aquela lá no fundo comendo a pata é a Margô. Não pensem que ela está lá, só no "truque da galinha morta". Não, ela sabia muito bem o que fazer depois, e fez. Quando Tito pulou, ela deu um salto e veio direto para mim. Ou seja, estou com um lanho na perna que mais parece ter sido feito por um açougueiro. Mas, não tem problema, é o amor deles e isso me deixa feliz (com um ódio mortal de vez em quando, mas aí eu transformo o ódio em raiva, raiva em mágoa, mágoa em ressentimento, ressentimento em um leve gostar, um leve gostar em admiração e, por fim, admiração em amor. Ou seja, o ódio sempre passa! Brincadeira gente, como ter ódio dessas criaturinhas que só trazem loucura e móveis quebrados em nossas vidas? Impossível, não é?)

DSC_1126.JPG

Passamos o dia assim, sabe Pai, na pasmaceira, para, à noite, soltar os bichos. Ei, peraí, somos bichos mesmo!

Contudo, ontem à noite foi demais. Eu estava tão cansado que, quando cheguei da Umbanda, lá pelas 22h40, tomei um banho e apaguei literalmente na cama. Não quis nem pensar se eles destruiriam a casa, eu simplesmente dormi. Pois é. Eu deveria ter prestado atenção, porque eles, às 3h33 (juro marcava essa hora no relógio), estavam na minha cara, me lambendo, pedindo carinho. Ai, Pai, acordei e lá fui eu dar carinho. Brinquei, conversei com eles, enfim, tudo o que um pai faz. Por fim, levantei-me para beber um pouco d'água. Acendi a luz e vi... o quarto estava um verdadeiro "lixão de Caxias". TUDO REVIRADO! Nossa, sabe quando você sente que seu espírito sai do corpo e entra alguma outra coisa sem nome? Pois é. Eu lutei para essa coisa sem nome não entrar em mim, porque teria churrasco de gato à noite aqui no apartamento mesmo. Eu tinha voltado para casa todo espiritualizado com os trabalhos no Centro e eles, simplesmente, invocaram o cão em mim. Aí, o processo novamente: fiquei com um ódio mortal depois tranformei em raiva, a raiva em mágoa, a mágoa em ressentimento, o ressentimento em um leve gostar, um leve gostar em admiração e, por fim, a admiração em amor. Peguei os dois e beijei, abracei, mordi a patinha deles, e eles riram (olha, @manandezo, essa síncope cardíaca do ano passado afetou sua cabeça, pois gatos não riem).

Enfim, tive de publicar meus textos tarde hoje, pois gosto de escrevê-los mais cedinho, para arrumar a bagunça que eles fizeram. Agora, vou eu, novamente, limpar a caixa de areia, porque está um fedor insuportável na área. Nesse momento, não é só limpar a caixa de areia e, sim, lavar a área toda, colocar cheirinho na casa, passar cera, desinfetante, colocar incenso, porque a coisa que sai deles não é cocô não, é algo bem pior! (Morrendo de rir agora!)

Mais tarde eu volto! 😺

DSC_1125.JPG

Brincando de "brigar" ao sol! É verdade, mas de vez em quando eu entro e separo, porque o Tito é mais forte e machuca a Margô. No fundo, ela tem de levar umas bordoadas mesmo, pois ela chama o Tito para fazer as besteiras e, depois, foge, deixando o irmão se ferrar. Ela também não é fácil!

Agradeço pelo tempo que me oferecem com a leitura. O tempo dispensado a um ser é o melhor presente que se pode oferecer a outro ser. Sonhem todos os dias e sejam felizes, vibrando em harmonia e esperança, sempre no caminho do meio. É o que desejo a todo momento a cada ser vivente!

Abraços, @manandezo
Publicação de 10 de janeiro de 2018

Imagens: arquivo particular.

Authors get paid when people like you upvote their post.
If you enjoyed what you read here, create your account today and start earning FREE STEEM!
Sort Order:  

kkkkkkkkk... Tô adorando saber o dia-a-dia desses dois! Eles vão te deixar louco, Mano! kkkk

·

Meus diabinhos queridos! =)

É impressionante mesmo, parece que eles dormem quase o dia todo para poder brincar de noite quando queremos dormir! :D É interessante ver a paciência que você tem com eles! Eu tenho que dormir de porta fechada, se não é acordar a cada meia hora com uma patada na cara!

·

Eu tentei fechar a porta do quarto para poder dormir em paz, mas eles resolveram quebrar a sala inteira. Teve um dia, quando acordei, achei que tinha tido uma crise de sonambulismo e acordara em outro lugar, porque a sala não era a minha, estava de outro jeito, aliás estava TODA quebrada! Eu só não arranquei as patas deles fora porque é pecado; se não fosse, eu já teria feito amuleto delas! (Morro de rir só de pensar na falta de coragem de fazer isso! Eu olho para a carinha deles e me derreto. Aí é beijo pra cá, aperto pra lá, e arranhão pra todo lado!) Hahahahahahaha

·
·

Hahahahah totalmente verdade! Eles são muito vingativos!!!

Haha! Muito bom meu amigo! Me divirto com esse teu jeito!
Adorei a transmutação do ódio mortal até se tornar amor novamente hahaha!
Não é fácil né? Agora pouco escutei o meu Clóvis Steemianson Blum lá fora se pegando com um gato, só grito... E olha que o infeliz está sem testículos e deveria é estar em casa dormindo. Mas ok, ele está ainda conhecendo os gatos vizinhos, pelo jeito ele é alguma espécie de ícone místico por que tem uns três gatos aqui que vem observar ele (e roubar sua comida também). Mas até tentei adotar um desses sorrateiros que aparece, mas é muito assustado.
Felicidades para vocês aí, uma linda família! Abraço.

·

Sim, meus pequenos demônios são lindos! Amigo, eu queria ter uma câmera aqui só para gravar tudo o que eles fazem. A Margô, hoje de manhã, parecia o Tarzan pendurada na cortina. Mas ela balançava tanto, que eu não sabia se continuava rindo, ou se pegava ela de lá. Ai, Pai!

Outro dia, fui pegar um par de meias para sair e... aaaaaaaahhhhhhhhhhhhhh, a Margô pulou de dentro da gaveta. Não sei como ela conseguiu entrar no armário, mas... gatos conseguem tudo! (Gente, eu tô digitando e morrendo de rir!)

Dá um beijo no místico do Clóvis por mim. Hari Ommmmmm!

Abraços, amigo! =)

São uns sacaninhas tal como os meus meninos! Mas lá no fundo não conseguimos viver sem eles! :)